Argentina

Uma potência média reconhecida, a Argentina é uma das maiores economias da América do Sul, com uma classificação alta no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Na América Latina, a Argentina possui o quinto maior PIB per capita (nominal) e o maior PIB per capita em paridade do poder de compra. A área continental da Argentina está entre a Cordilheira dos Andes, a oeste, e o Oceano Atlântico, a leste.

A Argentina é o oitavo país mais longo do mundo e a “Quebrada de Humahuaca”, foi declarada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. “Quebrada” quer dizer vale profundo ou ravina e Ushuaia é a cidade mais austral (ao sul) do mundo, sendo a capital da Província da Terra do Fogo. Sua região foi habitada pelo homem desde milhares de anos, e foi colonizada por europeus a partir de meados do século XIX, que instalaram missões para catequização dos indígenas. Estes, porém, logo desapareceram sob o impacto da aculturação e da devastação causada por epidemias trazidas pelos colonizadores. A cidade cresceu lentamente ao longo da primeira metade do século XX, organizando-se em torno da instalação de um grande presídio, que trouxe muitos funcionários administrativos e atraiu novos colonos, mas também fez com que se formasse uma impressão sombria sobre o local. A partir da metade do século passado, o presídio foi extinto, a cultura se diversificou e o progresso se deu mais rápido, com a instalação de diversos serviços, a melhoria na infra-estrutura urbana e a criação de incentivos governamentais para a fixação de novos residentes. Atualmente a cidade é um importante pólo turístico da Argentina e se tornou famosa como La ciudad más austral del mundo (A cidade mais austral do mundo) ou La ciudad del Fin del Mundo (A cidade do Fim do Mundo).

Belas paisagens atravessando glaciais, os grandes lagos e bosques milenares, a Cordilheira dos Andes e seus 7.240 km de longitude, o Aconcagua, com seus 6.959 metros de altura é o pico mais alto de todo o hemisfério ocidental.

A Cidade de Mendoza tem seus vinhos de qualidade mundial, rios ótimos para a prática de rafting e outros esportes aquáticos. As Cataratas do Iguazú, consideradas uma das maravilhas do mundo e a Garganta do Diabo, uma cascata de 80 metros também são atrações belíssimas.

O Mate (chimarrão), erva mate, é uma bebida de infusão, utilizada pelos guaranis e que foi cultivada pelos jesuítas em fins do século XVII, sendo difundida por todo o país. O mate também tem caráter social porque “cevarlo” (preparar o mate) é um ritual que faz parte da vida cotidiana argentina.

INFORMAÇÕES ÚTEIS
Visto Não é necessário para brasileiros, porém o documento apresentado na imigração não deve ter mais de 10 anos.
Moeda Peso Argentino
Fuso Horário GMT – 3:00
Idioma Espanhol
Clima Temperado
Voltagem 220 V
Capital Buenos Aires
População 41.281.631 habitantes
Comida típica Churrasco, Alfajor (massa macia, recheio de doce de leite, coberto com chocolate), Locro (Guisado de milho, feijão e abóbora)
CUSTO DE VIDA
Refeição simples USD 9,00
Combo Fast Food USD 8,10
Lata de Coca USD 1,50
Água 500 ml USD 1,25
Lata de Cerveja USD 1,50
1 litro de leite USD 1,00
Super Dica da Central
1 dúzia de ovos USD 2,00
Bandeirada inicial do táxi USD 1,70
Gasolina USD 1,35
Cinema USD 7,00
O cinema argentino foi referência nas décadas de 60 e 70 e, nos últimos anos, voltou a ocupar posto de destaque mundial, com vários ótimos filmes e atores como “O filho da noiva” e “Nove rainhas”, com Ricardo Darín.
 Tipo de tomada
 
 
Atualizado out/2012